Como trabalha o historiador

Alguns anos atrás eu escrevi um post sobre como trabalha o historiador. Eu não estava pensando em metodologias complicadas, semiótica, iconologia, etc e tal, mas na coisa mais básica e comezinha que faz o historiador perder muito tempo: o bendito fichamento. O que me levou a escrever sobre isso foi uma conversa com o Filippo Coarelli.

Essa sempre foi uma questão que me fascinou, porque meu método de trabalho é muito caótico e a maneira como eu organizo (?) meus fichamentos me obriga a reler tudo o que eu já anotei cada vez que vou escrever um artigo ou um livro. Mas hoje eu achei um artigo fascinante do Keith Thomas, sobre como ele (e outros historiadores famosos) fazem (ou faziam) seus próprios fichamentos.

Anúncios

4 Respostas para “Como trabalha o historiador

  1. Pingback: O ofício do historiador « Amiano Marcelino

  2. João Paulo Rodrigues

    Que alívio saber que estou em tão boa companhia em minha falta de sistema…
    Se bem que a gente sempre pode dizer que a ausência de um sistema durante a fase da leitura não significa uma ausência de método. É o que eu digo a meus alunos, pelo menos.

  3. adorei esse texto sobre como trabalhar o historiador

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s